Quais plataformas vocês recomendam para advogados iniciantes que buscam oportunidades de captação de clientes ou diligências jurídicas?

Onde obtém mais êxito

2 curtidas

@nandomarques38 Depende do perfil de clientes que você quer obter, o que por sua vez tem relação direta com as áreas por você trabalhada. O “onde obtém mais êxito” é muito subjetivo, pois uma determinada plataforma pode ser muito satisfatória para um e péssima ou regular para outro. De novo: tudo depende do que se busca, nessas plataformas.
.
.
De modo geral, a própria Jusfy disponibiliza a função “Jusmatch” em que se propõe aproximar potenciais clientes aos advogados que possam se interessar em entrar em contato. Se você fizer uma pesquisa “in loco”, verás que há colegas que relatam fecharem muitos contratos (que também é uma afirmação subjetiva) e tantos outros que dizem que os pretensos clientes são só meros curiosos e que querem uma consulta grátis.
.
.
Eu, por exemplo, no passado - nos primórdios da minha jornada, valia-me muito do Jusbrasil e realmente fechei bons contratos com muitos clientes (alguns dos quais são clientes até hoje); contratos esses com valores de honorários bem interessantes a quem estava no início. Jamais fiz algum contrato só no êxito, Nem nas ações trabalhistas!
.
.
Hoje, contudo, tendo em vista eu atuar em áreas muito específicas e com um perfil mais empresarial, é evidente que essas plataformas, de maneira geral, não me servem, pois meu nicho de atuação e o tipo de cliente que atendo, com certeza não está querendo tirar meras dúvidas corriqueiras (empréstimos bancários, dar entrada em algum benefício previdenciário, falar sobre pensão alimentícia, defeito de produto, desistência de compra pela internet etc.), razão pela qual não mais me utilizei delas.
.
.
Agora, com relação às diligências jurídicas (serviços de correspondências) - eu creio que o Migalhas, o Juriscorrespondente e o Jurídico Certo podem ser uma boa para quem está iniciando, na carreira.

5 curtidas

“Depende”!
E as razões, o Dr. @marlondamasceno descreveu bem.
O “feeling” pra identificar um contrato vem com o tempo, infelizmente.

3 curtidas

(O “feeling” pra identificar um contrato vem com o tempo…). :clap: :clap: :clap:

3 curtidas

Quando iniciei a advocacia autônoma há 13 anos o JusBrasil salvava o meu mês com as captações que me oportunizava. Eu já começava o dia respondendo a diversos casos jurídicos para tentar captar ao menos 1 caso.

Contudo, a realidade daquela época já não é a mesma de hoje. Tanto o JusBrasil quanto outras plataformas como Jusfy, Migalhas etc atualmente limitam o número de casos que você pode ter acesso e responder, vinculando um maior pagamento de créditos para ampliar a sua rede de captação.

Portanto, hoje julgo que essas plataformas já não são mais tão atraentes e, considerando que o advogado terá acesso a poucos casos, exigirá bastante que tenha boas técnicas de captação e negociação para efetivamente conseguir converter a consulta em contrato.

Sendo bem sincero, creio que vale mais a pena investir este dinheiro em campanha de Google ADS para trazer mais interações e leads, com chance real de captação.

Se quiser ampliar ainda mais o poder de captação, sugiro pegar o próprio celular e criar conteúdo informativo nas redes sociais (youtube, instagram, facebook, whatsapp, tiktok) e publicar artigos em plataformas como JusBrasil, Conjur e Migalhas. Organicamente as pessoas vão tendo acesso ao seu conteúdo e poderão lhe procurar para contratar os seus serviços.

1 curtida